G livro do Padre Seabra

Após a Celebração que assinalou o 40º aniversário da sua 1ª Missa, o Padre João Seabra foi homenageado por centenas de pessoas no auditório a transbordar da Igreja de Santa Joana Princesa, em Lisboa. Marcelo Rebelo de Sousa falou diretamente, perante todos, "para o colega de liceu, vizinho e amigo de infância, e amigo de toda a vida". E falou depois - como referiu - como Presidente da República prometendo levar até Belém a homenagem a este padre lisboeta - que tanto “amou e ama as pessoas” - onde tenciona juntar de novo este povo cristão, os seus Bispos, o Cardeal Patriarca. Num país em que os portugueses genuinamente “cristãos são agora porventura uma minoria”, essa minoria faz mais falta que nunca e precisa de ser mais genuína que nunca. Marcelo Rebelo de Sousa felicitou António Pinheiro Torres e José Maria Seabra Duque, coordenadores do livro que junta 70 testemunhos de vida pessoal de 70 pessoas que com o Padre João se cruzaram: Não sei como conseguem disponibilidade - referiu - no meio das lutas que levam a cabo, e a que a "clivagem cultural" da nossa sociedade vos obriga, para abraçarem projetos como este. A Lucerna e o seu Editor estão de parabéns. Como referiu João César da Neves, o Padre João Seabra foi, é, será para sempre, um verdadeiro pai para milhares e milhares de portugueses de paróquias, universidades, colégios, organizações, por onde passou.

img2 1920 1080

António Pinheiro Torres, Vice-Presidente da Federação Portuguesa pela Vida, numa intervenção que por breves momentos ressoou quase como o histórico discurso de Luther King “I have a dream” afirmou: ...Um dia, no futuro, pode ser que já não seja preciso fazer caminhadas, organizar marchas, realizar manifestações… porque a sociedade, nesse dia futuro, já se terá consciencializado da barbárie e da iniquidade que são – que eram - a aceitação e legalização do aborto… Nesse dia iremos então caminhar mas aí, sim, para prestar homenagem a todas as vítimas passadas do aborto, as crianças não nascidas, os bébés sacrificados, as mulheres para sempre marcadas, as mães e os pais traumatizados, uma homenagem, possivelmente consagrada num qualquer memorial colocado, por exemplo, no exterior do que é hoje a sinistra Clínica dos Arcos… Esse dia chegará. Desde há 20 anos que lutamos por ele e continuaremos a lutar. 

Padre Seabra

O Padre João Seabra é, e foi, durante décadas, uma referência para todos os que em Portugal combatem, e combateram, pela defesa da Vida.

Apresentação do livro sobre a obra, o percurso, a vida de um amigo de sempre.

Igreja de Santa Joana Princesa (próximo da Av. Estados Unidos da América e Av. Gago Coutinho), 12 de novembro, 19h15 

 

 

 

 

img3 960 540

Isilda Pegado, Presidente da Federação Portuguesa pela Vida: “Está na hora de dizer Basta!...

Durante estes mais de 20 anos trabalhámos no País concreto e real, mas verificámos que “Golias – o Estado”, esmaga muito do nosso trabalho, mata muitos dos nossos filhos, ignora os nossos doentes e nas escolas tritura a inocência de crianças e a intimidade de adolescentes.”